Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Falar é tããão fácil

por o que procuro, em 06.11.09

Estou a preparar-me para uma prova escrita de um concurso público, no qual fui admitida, prova esta, sem conculta, cuja bibliografia recomendada é vasta.

Feita a pesquisa e retirado da net o que era possível, sobram obras, que estão em bibliotecas e afins.

 

Contactos feitos para saber da possibilidade de requisição, a resposta: ou é necessário um cartão de utilizador, que demora cerca de 10 dias úteis, ou noutra o pagamento de uma quota semestral de 17,50€! Ou nem sequer autorizam a entrada a pessoas que não estejam directamente ligadas ao organismo, ou então terão de ser recomendadas pelo director do centro de documentação.

 

Resta sempre, onde é possível, a leitura no local, dizem-me com um tom de voz animado!

 

Claro que sim, de obras com 300 páginas e acompanhada com uma criança de 6 meses, que palra sem fim!!!

Porque não!!! Já agora arranjm babysitter e um cházinho?

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:25

Reflexos da alma

por o que procuro, em 30.07.09

São 7 anos de casamento que passaram na segunda-feira, 7 anos de companheirismo, de viência comum, de crescimento pessoal, e para mim de aquisição de liberdade (liberdade de expressão, de pensamento, de indumentária...liberdade para ser EU!)

 

Para lá desta data, outras coisas se sucederam por cá, uma nova (e preciosa) aquisição para a nossa cozinha.Visitas e mais visitas...

 

E no meio desta multidão, deste turbilhão, sinto-me invariávelmente só, apesar de acompanhada 24h, por uma criatura que está intimamente ligada a mim, mas à qual só por vezes me uno... Que me revolve as entranhas, que depende de mim, mas cuja depêndencia me consome e me mina...

 

É um amor estranho este, que tão depressa quer dar colo e apertar até não ter fim, mas que por vezes, deseja fugir... Que anseia pela liberdade e independência daquele ser, mas que olha para ele e sabe que vai ter saudades deste tempo...

É uma amor imenso vivido a dois, ou melhor a três, mas que tumulta, revolta e agita apenas num...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:58

Meto-me em cada uma...

por o que procuro, em 17.07.09

Ontem, finalmente, voltei ao Day Dream Spa, levei o Simão comigo, era isso ou não ir de todo.

Estão a ver uma tragédia grega???

Foi mais ou menos o que me aconteceu.

O rapaz já percebeu que o ovo é sinónimo de passeio, pelo que estar enfiado dentro daquilo, muito tempo e não sentir a trepidação da calçada portuguesa, ou o andamento do veículo, dá mau resultado.

Assim tive direito a choro quase constante, uma esteticista que, por muito boa vontade que tivesse, ficava aflita com o choro dele. Ainda me perguntou  se eu não queria voltar noutra altura, se tivesse com quem o deixar... Sorri com o maior desplante disse-lhe que não, porque não tenho com quem o deixar...e não tenho mesmo!

Foi ver a senhora a fazer o que pode, arrancar da melhor forma possível pelo de metro, a deixar-me levantar da marquesa de vez em quando para acalmar o rapaz...

Não posso dizer que ficou muito bem, não ficou, paguei o mesmo valor de habitualmente, mas a culpa foi minha, primeiro porque passou muito tempo desde a última vez que lá fui, segundo, porque não o deveria ter levado comigo.

Por isso o que deveria demorar cerca de uma hora, demorou duas horas, se é que não passou disso!

 

Mas eu só quero voltar a ter alguma normalidade, para me conseguir sentir bem, física e psicológicamente....

 

PS - Agora estou a preparar as coisas para ir passar o fim de semana fora, não imaginam a logistica necessária para se sair para onde quer que seja, com uma criatura tão pequena...

Acho que no fim disto tudo vou precisar de umas férias, com babysitter

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:23

Em dia não...

por o que procuro, em 08.07.09

Hoje foi dia de acordar às 4h da matina, dar mama, voltar a acordar às 7h tomar banho, dar mama, ir para a fisioterapia às 9h, regressar, dar mama novamente, fazer o almoço...

Ás 13h chega o marido para almoçar, às 13h o Simão desata a berrar que quer mamar...

Tenho aqui uma casa virada do avesso, uma criatura que não dorme e que vai voltar a mamar às 16h...

 

E eu?

 

Eu, estou pelos cabelos com isto tudo, tarda nada, saio porta fora e quem cá ficar que se governe!!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:14

Women's Brotherhood

por o que procuro, em 22.06.09

Salvo raras excpeções que constituem a famosa regra que "as mulheres são umas cabras umas para as outras", posso considerar que num circuito reduzido, de amizade verdadeira e fraterna, as mulheres formam um clã.

 

Tomei consciência disso ao longo da gravidez e ainda mais agora que o filhote nasceu, é vê-las a partilhar experiências, dar dicas e conselhos, emprestarem coisas e loisas, disponibilizarem-se para o que der é vier, acompanharem de perto esta viagem que estamos a realizar.

 

Considero também que somos seres únicos, não numa perspectiva feminista, mas para arquear com as responsabilidades, na capacidade de lidar com situações mais dolorosas e penosas, ou melhor, na capacidade de ultrapassar obstáculos e lidar com as situações, somos muitas vezes bombeiras de serviços e as primeiras a afirmar: -"Aqui estou!" para resolver pequenos dramas.

 

Mais, apresento a minha sentida homenagem, a todas aquelas que criam filhos sozinhas, uma árdua tarefa, que reconheço não ser nada fácil, quando não se conta com ninguém, ou até mesmo tendo companheiro, não se possa contar com a presença de familiares ou amigos, que sustem uma rede de suporte extremamente útil e necessária, numa jornada como esta.

 

Por tudo isto, nós mulheres e mães, somos um espectáculo!!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:14

Alone

por o que procuro, em 19.06.09

Os dias sózinha custam tanto!

Apesar de uma visita, que hoje me ajudou a passar a manhã, agora à tarde sinto-me como uma macaca que traz a cria atrás... Está cheio de cólicas e prisão de ventre, chora em qualquer lado qu eu o coloque, nem berço, nem espreguiçadeira, nem a cama ao meu lado...

 

Não descanso, nem faço nada (e hoje que é dia de limpezas!) porque requer atenção constante...

 

Haverá fases dificéis no desenvolvimento do ser humano, mas acredito que esta é sem dúvida das piorzinhas...

 

Sinto-me a deprimir, não consigo fazer nada do que prevejo, apenas o que ele quer...

 

E chegou mais uma vez a hora de amamentar

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:34

Já lá vai 1 mês!

por o que procuro, em 18.06.09

Pois é, dou-me conta que já passou um mês do nascimento do meu filho e da viragem nas nossas vidas.

Ainda pensei em fazer uma descrição do que foram aqueles dias, numa tentativa de catarse pessoal, mas acho que foram emoção tão pessoais e próprias, que nem sei se partilhando iria conseguir exprimir o que tudo aquilo significou.

 

Contudo, deixo um cômputo geral, dos elementos positivos e negativos, desta que foi (e está a ser!) a maior epopeia da minha vida...

 

Negativo:

  • A epidural (não pela dor, mas pelo medo que eu sentia, pela responsabilidade do acto em si, pelo incómodo);
  • A cesariana (também não a realço como facto negativo pela dor, que não senti, mas pelas sensações estranhas, pela demora, pelo transtorno);
  • Estar amarrada no bloco operatório, o que não me permitiu abraçar o meu filho quando o vi pela 1ª vez;
  • O dia seguinte, esse verdadeiramente alucinante, as dores, os enjoos, os vómitos, o levante, aquele banho que nos obrigam a tomar, a falta de apetite, inexplicável;
  • A dificuldade em amamentar: a criatura não pegava no peito, os bicos ficaram proeminentes, um verdadeiro filme de terror.

Positivo:

  • Ter conhecido o Simão, são e perfeito, naquele maravilhoso dia!
  • O atendimento no HSFX, desde as auxiliares, as senhoras da cozinha (obrigada Tia!!) a equipa médica, a obstetra (a quem agradeço a amizade), o anestesista, os pediatras, enfermeiros, sei lá, todos quantos por algum motivo se cruzavam connosco, nunca vi uma expressão de desagrado, uma palavra menos afável, ou falta de disponibilidade;
  • O carinho e atenção que todos nos dispensaram, desde familiares, amigos, longínquos ou mais próximos, sempre presentes, ainda hoje, sei que há telemóveis disponiveis 24h sob 24h, para o que der e vier!!
  • A presença muito especial de algumas pessoas, foi muito bom, em momentos de grande fragilidade da minha parte, sentir que me deram a mão, que nos fizeram a surpresa de uma visita! Obrigada por isso!!
  • O regresso a casa, pode não parecer nada de importante, mas o saber-se que está tudo bem e que finalmente ao fim daqueles flamigerados 3 dias se regressa a casa, dá-nos um novo alento, "renasce-nos uma alma nova", completamente!! lol

Não ficou a descrição pormenorizada, mas foi quase, assim, quando quiser ter outro (LIVRA!!!) venho aqui relembrar o que aquilo foi! lol

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:03

A maternidade

por o que procuro, em 03.06.09

Recebi de como prenda de aniversário, os três primeiros volumes, desta colecção:

 

 

É impressionante como nos revemos numa banda desenhada, como rimos das figurinhas tristes que fazemos e como reflecte também grandes verdades, que até nos custam a assimilar!

 

 

 

A tira que vos deixo é um flagrante disso mesmo, da forma como verdadeiramente nos sentimos (não paguei direitos de autor para fazer isto, mas retiro imediatamente se alguém se manifestar!)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:13


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D