Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A velhinha história outra vez...

por o que procuro, em 24.07.09

Já referi que começaram os preparativos para o baptismo do Simão e com isso as dores de cabeça...

É ver a família de ambas as partes a opinar acerca de quem deveríamos convidar:

  • Porque parece mal não convidar fulano;
  • Porque também vos convidou para o baptizado do filho deles;
  • Porque vive aqui ao pé da porta;
  • Porque são família;
  • Porque ajudamos a pagar.

 

É tão complicado gerir isto!

 

Porque quando foi o meu casamento já foram cerca de 50 pessoas, que por minha vontade e do meu marido, não teriam sido convivados, mas por respeito aos pais, tivemos que nos aguentar... Em desabafo com o Pajo, nessa altura, disse-me que a festa era deles, tinhamos que saber respeitar...

E agora a festa é de quem?

Eu percebo que as pessoas moram ao pé da porta, que também nos convidaram para os batizados dos filhos deles e são os nossos pais que vão ter de ouvir e suportar os comentários. Sim! Porque a nós ninguém ousa dizer nada!

Mas, o filho é nosso, nós é que deveríamos decidir, as pessoas que nos rodeiam (pais, entenda-se!) deveriam commprender e respeitar a nossa opinião.

Mesmo que paguem (saberia muito bem uma ajuda, porque isto está COMPLICADO), que me interessa a mim estar rodeada de gente que vejo uma vez por ano, apesar de ser família??

Não faria mais sentido, irem pessoas que mesmo não tendo laços de sangue connosco, são essas que estiveram sempre aqui??

E porquê que tenho que retribuir um convite que me fizeram??

 

Certo é que a última palavra vai ser a nossa, gostem ou não gostem... Mas seria bem mais fácil, se nos escutassem, entendesse e sobretudo respeitassem!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:38


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D