Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O "chico-espertismo" português

por o que procuro, em 18.02.09

Acabei de ter uma conversa "sui generis" com o meu marido à hora de almoço.

 

Parece que um colega de trabalho meteu conversa, para partilhar as astúcias que se podem realizar com a licença de paternidade, senão vejamos: quando foi pai pela primeira vez,  gozou a licença de paternidade, ou seja, 3 meses em casa.

 

Pergunto eu: Mas a esposa não teve direito à licença?

 

Não, porque a senhora trabalhava a recibos verdes para o ESTADO, assim, a superior hierárquica decidiu que lhe pagariam os meses que estivesse em casa com o recém-nascido, apesar de não estar a trabalhar.

 

Na minha inocência: então receberam dos dois lados e ficaram os dois em casa!

 

Não! Chega a ter mais uns laivos de malvadez, o colega não ficou em casa os 3 meses, foi trabalhar, ou seja, recebeu a licença de paternidade da segurança social, por ter estado supostamente em casa, a entidade patornal, pagou os vencimentos porque ele esteve a trabalhar durante esse tempo, e a esposa ainda recebe, pelo tempo que esteve em casa!!

 

Ora digam-me lá se isto não é astucioso???

   

 

Surgem-me aqui, algumas questões:

  • Como é que a entidade patronal concorda com isto?
  • Não houve ninguém, por parte da segurança social, que fosse verificar que realmente a pessoa estava em casa, a gozar a licença de paternidade?
  • Ainda existe a supina lata, por parte da pessoa de partilhar estas artimanhas!?

O meu maior problema, é saber que este, decididamente não é CASO ÚNICO, haverá milhares por esse país fora, com licenças de paternidade, RSI e afins, a ludibriarem o sistema!

 

E infelizmente, com os maus exemplos que vêm de cima, as pessoas acham-se no direito de terem estas atitudes!!

 

DECIDIDAMENTE, SINTO-ME DESLOCADA NESTE PAÍS!!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:50


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Gorduchita a 18.02.2009 às 20:02

Infelizmente, é comportamento generalizado...Já me manifestei sobre os RSI no meu cantinho...

Cada vez mais acho que quantos mais apoios criamos, no nosso país, mais incentivos damos a quem não quer trabalhar e/ou a "chico-espertos"!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D