Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A vida de um desempregado

por o que procuro, em 25.08.08

Acabei a licenciatura em 2005, fiz um estágio profissional em 2006, depois disso, já perdi o número aos CV's enviados, aos telefonemas feitos, às portas a que bati, às pessoas com quem falei...

 

Decidimos (em família) que iria continuar a estudar, para não ficar estagnada e entretanto parei de enviar CV's, por causa da ansiedade que me provoca, a expectativa, todo o trabalho e dedicação que exige, que acabei por canalizar para outro lado...

 

Contínuo a achar que não era nada disto que eu queria e quero para a minha vida, continuo a sentir que tenho a minha vida suspensa, que não me realizo profissionalmente, nem a estudar, nem em qualquer outra função que não seja o serviço social...

 

Mas tenho ocupado o meu tempo, adquirindo conhecimentos e crescido enquanto pessoa, porque passar por esta situação, e quem passa por isto sabe bem, é como se nos arrumassem num armário e nós consentissemos nisso, faz de nós pessoas diferentes, em que aprendemos a lidar com a adversidade.

 

De vez em quando, abre-se uma janela da oportunidade, alguém me contacta, em resposta a CV's que enviei, desta feita já datava de 2006... E foi por isso que no sábado de manhã fui a uma segunda entrevista de selecção, já só com 3 candidatas, onde eu me incluia...

 

Renasce a esperança!

 

Fala-se em condições contratuais, em horários de trabalho, em disponibilidades...

 

Alvora a esperança...

 

Segunda-feira dão uma resposta....

 

Espera-se, anseia-se, sonha-se, e olha-se loucamente para um telemóvel, na esperança que nos diga qualquer coisa, que nos mude a vida.

 

Chega a resposta: estivemos muito indecisos entre si e uma outra candidata, mas a direcção optou pela outra colega...

 

Assim, sem mais nada, ficam com os nossos dados caso seja necessário.

 

E EU como é que fico??

 

Onde é que eu arrumo tudo outra vez?? Os sonhos, o mudar de vida, o realizar-me, o contribuir para esta sociedade injusta???

 

É muito frustrante, ainda mais quando não se procura estas situãções e nos vêem pura e simplesmente bater-nos à porta...

 

Já abri novamente o armário e estou a caminhar lá para dentro...

 

Seguramente tudo isto terá uma explicação, talvez um dia eu entenda...

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:42


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Marisa Galante a 25.08.2008 às 19:23

(suspiro)

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D